jump to navigation

Indiferenças 26 de Fevereiro de 2017

Posted by thiagorogel in Uncategorized.
add a comment

A indiferença …
Ah! ela é percebida
As vezes interpretadas com más vistas
Mas na verdade, ela não queria que fosse assim

A indiferença
Do lado de quem supostamente faz
Pode ser uma omissão por amor
Por respeito quando sabe que não poderá continuar

A indiferença não ilude
Mas machuca mesmo assim
Não pense que ele não gosta de ti
Mas te respeita pra deixar ir
E não te enganar

A indiferença não é não querer falar
Mas é …
Calar!
Segurar palavras que iriam elogiar
Encantar…
Aceitando as diferenças no modo de agir
Então a indiferença é uma escolha de não ir
De quem pensa demais
Talvez exagerado a mais
Ou então são sensatos
Que percebem, avaliam bem, pra algo dizer-ti

Aprendi a pouco
Que indiferença também pode ser pra valorizar
E cabe ao outro
Que quer de verdade, enfrentar!
E não desistir….
Há belas histórias escritas assim
Onde o amor vence a indiferença

Preciso dizer que acredito que é bom ?
Só quando a indiferença vencida
não torna-se desilusões e despedidas
Com apenas um breve momento juntos e fim
Por escolhas de um deles ali

Quero propor algo maior
Amor na indiferença
Se calar pra não enganar
Nao falar quando não der pra dizer sim, assim…

Quando a dúvida for tão clara e evidente
De que assim não podem seguir juntos sempre
Mesmo querendo dizer e estar junto de ti

Quero propor algo maior
E dizer que é vista e admirada
Não importam as não palavras
Mas é quase tudo que queria sim
Se for pra ficar juntos
Será que nada tem que mudar tambem ti ?

Talvez tenham que conversar
Algum de vocês tera que dizer ao outro
Diga-me…