jump to navigation

Ninguém imagina quando vai gostar de alguém 28 de Abril de 2013

Posted by thiagorogel in Encontros & Conquistas.
trackback

Quando olhei seu rosto e seu olhar
Tudo parou
Ninguém imagina quando vai gostar de alguém
E sem nada falar me conquistou
Atraiu meu olhar para ti

E agora o que queria era te conhecer
Ouvir você
E se tudo der certo te falar

A cada encontro
Cada vez que nossos olhos se cruzavam
Eles paravam
e não eram só os meus
Os seus também

Se pudesse saber que estaria comigo
Eu esperaria
Se dissesse a mim que também sentia isto
Muitas coisas, por você, eu deixaria ir

Eu deixaria todas que me olhassem diferente
Eu não olharia outras para só pensar em você
Pra que procurar em outros rostos até certa beleza?
Se já encontrei em você o amor – na minha linda princesa
Pra que dar ouvidos a outros elogios ?
Se puder todos os dias ouvir sua doce voz

Esperaria sete anos de verdade
E o trabalho eu faria sonhando
Só não venha me enganar e me iludir na vida
Eu não queria não te ter
Só não permita o mal te afastar de mim
E nem nada mais
Muito triste isto me faria
Mas teria que encarar de frente

Ainda me lembro do teu abraço
E como é bom te abraçar
E do seu olhar
E do seu sorriso
E como assim nossos caminhos foram se cruzar
e isso se repetiu
Como uma trama escrita e encenada em vida

Ainda que venham sete anos a mais
Com você ao meu lado eu consigo
E já não valerá mais olhar o que passou
Agora pra frente e para o que Deus conduzir

E isso só vale com a benção dEle
Dos pais e da familia
Não valeria a pena se não fosse direito
Se fosse de qualquer jeito eu temo que não durasse
E se você não cresse neste único Deus vivo
E tão maravilhoso
Nada seria assim

E agora só faltava ouvir de você que sim.

Nota:
Pensando na História de amor de Jacó e Raquel, e talvez de muitos outros, quem sabe não parece com a sua história ou até mesmo prenúncio do que ainda está para acontecer. Chamarei esta categoria de história de amor.

“E Labão tinha duas filhas; o nome da mais velha era Lia, e o nome da menor Raquel.
Lia tinha olhos tenros, mas Raquel era de formoso semblante e formosa à vista.
E Jacó amava a Raquel, e disse: Sete anos te servirei por Raquel, tua filha menor.
Então disse Labão: Melhor é que eu a dê a ti, do que eu a dê a outro homem; fica comigo.
Assim serviu Jacó sete anos por Raquel; e estes lhe pareceram como poucos dias, pelo muito que a amava.” (Gênesis 29:16-20)

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s